CAMP. CÂMARA - 2017

CAMP. CÂMARA - 2017

DIVINO FOGÃO DE ITABUNA

Adsense




Vereadores se mobilizam contra a Lista Negra do Hospital de base de Itabuna

Preocupados com a situação caótica em que chegou o hospital de base de Itabuna, seis vereadores fizeram uma visita ao hospital na manhã dessa terça feira 31/01.  Chico Reis, presidente da câmara, Charliane, 1ª secretária e os vereadores, Júnior Brandão, Anderson Guinho, Nel do Bar e Babá Cearense.
VEJA O VÍDEO (Abaixo)



Os Edis foram para falar com o presidente interino da FASI, mas como o mesmo não se encontrava no local, eles reuniram-se na sala do diretor médico, Dr. Zé Henrique que diante das perguntas dos vereadores ele indicou a diretora administrativa para esclarecer as dúvidas dos mesmos.

Os vereadores queriam saber o porque das demissões em massa de duzentas pessoas e quais critérios foram usados nas escolhas das mesmas nessa lista.
O vereador Júnior Brandão, que aliás foi o que mais questionou  a diretora, disse que achava que diante da demissão de tantos profissionais, isso poderia comprometer o bom atendimento naquela entidade de saúde e que se alguém viesse a óbito poderia gerar problemas jurídicos ao hospital ( Isso é apenas uma dedução) disse o vereador. Já a vereadora Charliane, perguntou se essas pessoas teriam suas rescisões pagas e se isso não iria gerar um grande aumento de despesa na folha do hospital?

A diretora  Márcia Rodrigues, disse que sim, mas será de uma só vez e que depois disso tudo a economia gerada para o hospital compensa.
Não é com alegria que a direção do hospital tomou essa decisão, mas ou demitia duzentas pessoas ou poderia fechar as portas e ai sim o desemprego e o prejuízo para Itabuna e região seria catastróficas.

Ainda segundo a diretora, isso é passageiro e ao colocar o hospital em melhor situação financeira, muitas dessas pessoas poderão se readmitidas.  


Click Play





Outro assunto questionado pelos vereadores e que está causando o maior burburinho na cidade e nas redes sociais, foi o fechamento do setor psiquiátrico do hospital, e a diretora também explicou os motivos e de que forma os pacientes com doenças mentais estão sendo atendidos.
Os pacientes estão sendo encaminhados para atendimento nos CAPs que são três na cidade e que pacientes em surtos são atendidos aqui no base, onde existe seis leitos prontos para receber esse pacientes.

Apesar de todas as explicações da diretora, os vereadores disseram não estar satisfeitos com as explicações e iria ter com o prefeito Fernando Gomes para que o mesmo explicasse e se tem como rever essa lista de demissões, já que tem pessoas com muitos anos de serviços prestados ao hospital e a comunidade e foram demitidas.


0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito