EXPOITA

EXPOITA

Frigobom da Av, Ilhéus

Frigobom  da Av, Ilhéus

EXPOITA 2017

EXPOITA 2017

Adsense

DIVINO FOGÃO ITABUNA

DIVINO FOGÃO ITABUNA



Itacaré mantém a cultura popular com o Bicho Caçador e o Terno de Reis




Valorizar a cultura, a tradição e as manifestações populares. Esse é um dos compromissos assumidos pelo prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, como forma de preservar a história e a tradição da cidade. E no último final de semana Itacaré estava em festa comemorando a tradicional folia de Reis, que é marcada na cidade por manifestações culturais como o Bicho Caçador e o Terno de Reis.

O evento atraiu a atenção de itacareenses e turistas fascinados com a rica cultura da cidade. O vice-prefeito Genilson Souza e o secretário de Juventude, Esporte e Cultura, Diego Augusto, participaram dos festejos e destacaram a importância do município preservar seu patrimônio cultural e as manifestações populares. De acordo com eles, a Prefeitura estará incentivando essas atividades e já no dia 26 de janeiro, dia da cidade, novamente acontecerão as apresentações da cultura popular.


Essas manifestações fazem parte das diversas atividades culturais que acontece no município. O cortejo do Bicho Caçador é uma manifestação oriunda do bairro do Porto de Trás, reduto negro da cidade e reconhecido como Quilombo Urbano pela Fundação Palmares desde 2010. Berço de uma rica cultura, a comunidade tem no Rancho Bicho Caçador sua mais conhecida manifestação cultural. Passado de gerações pela oralidade, a apresentação se dá na luta de um caçador contra dois grandes bichos que o ataca quando o mesmo está à beira de um rio. Depois de uma batalha árdua o caçador consegue derrotar os dois bichos.


O cortejo percorreu as ruas da cidade, acompanhado por moradores e turistas que ficam encantados. No trajeto tem paradas programadas em seis tradicionais casas da cidade que são responsáveis pela oferenda de cachaça e comida, sempre com muitas canções, batucadas e danças levada pelo samba de duro.


Já o Terno de Reis é um festejo de origem portuguesa ligado às comemorações do culto católico do Natal, trazido para o Brasil ainda nos primórdios da formação da identidade cultural brasileira. Ainda hoje se mantém vivo nas manifestações folclóricas de muitas regiões do país. Ela apresenta um caráter profano-religioso, fazendo parte do ciclo natalino, anualmente realizado entre 24 de dezembro a 6 de janeiro. E em Itacaré acontece tradicionalmente no dia 07 de janeiro, um dia após o cortejo do Bicho caçador, quando se realizam as comemorações do nascimento de Jesus Cristo com várias festividades, ou festejos populares.

O cortejo roda as ruas da cidade embalados por uma charanga que faz a animação das mulheres que acompanham o trajeto.  O comando da animação se dá por Dona Elvira e pelo “Clube da Melhor Idade Alegria de Viver.”.





0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito