i

i

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Itacaré- Prefeitura adquire mais equipamentos para os salva-vidas

A Prefeitura de Itacaré acaba de adquiri novas boias para auxiliar no trabalho dos salva-vidas que atuam em todas as praias do município. O objetivo é garantir mais segurança para aos banhistas e evitar acidentes, principalmente nesse período da alta estação, quando a cidade recebe turistas de diversas partes do mundo.

O trabalho dos salva-vidas está sendo feito diariamente, com equipes de quatro salva-vidas em todas as praias do município.

E para aumentar ainda mais a segurança dos banhistas, a Prefeitura de Itacaré implantou a sinalização de toda a Praia da Concha, um dos locais mais procurados pelos itacareenses e turistas, definindo os espaços para o banho e também para a chegada das embarcações. Em toda a praia foram colocadas boias e bandeiras sinalizando os espaços. No local destinado aos banhistas não será permitida a circulação de embarcações.

Também foi destinado um espaço, próximo ao acesso ao farol, para que os barcos façam o embarque e desembarque de passageiros. A iniciativa, segundo o Assessor de Planejamento da Prefeitura, Cléber Miranda, vai facilitar ainda mais o trabalho dos salva-vidas, já que além de evitar a circulação das embarcações junto com os banhistas, também estará sinalizando quanto aos espaços propícios para um banho com muito mais segurança.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, informou que desde o início da gestão vem procurando garantir melhores condições de trabalho para os salva-vidas e em breve estará adquirindo diversos equipamentos que vão ajudar ainda mais esses profissionais na missão de orientar os banhistas e salvar vidas. No mês de outubro os salva-vidas receberam novo fardamento e alguns equipamentos. Agora estarão sendo colocadas unidades elevadas de salva-vidas nas praias e adquiridos novos equipamentos para auxiliar no salvamento aquático.

Também no mês de outubro a Prefeitura de Itacaré promoveu o curso de capacitação e atualização em salvamento aquático para todos os salva-vidas do município. O curso teve duração de 30 horas, com aulas práticas e teóricas sobre utilização de equipamentos, simulações de afogamento, postura dos salva-vidas na prevenção e salvamento, além do suporte básico de vida atualizado, com as novas normas e técnicas. A proposta foi de capacitar a equipe, qualificar e atualizar o grupamento de salva-vidas para oferecer um serviço cada vez maior aos banhistas.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito