i

i

J M

J M

cm

cm

Adsense




Interlegis estimula acesso do grapiúna à produção legislativa

Servidores de câmaras de vereadores grapiúnas foram treinados, durante o Interlegis em Itabuna, para operar o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL). A ferramenta virtual, além de modernizar – informatizando – as Câmaras municipais, possibilitará que a produção legislativa esteja ainda mais perto da população nas cidades onde o sistema vier a ser implantado.




Na oficina, instrutores do Senado apresentaram o funcionamento do SAPL desde o protocolo - com inserção de matérias legislativas -, passando pela deliberação em Plenário, até o resumo da sessão (relatório que norteia a ata). O SAPL, acessado gratuitamente, pode ser alimentado por um servidor e as informações disponibilizadas no portal da respectiva Câmara.



“Cabe às câmaras da região analisarem as potencialidades da ferramenta e definirem como vão trabalhar com a ela”, reforçou o instrutor Luiz Carlos Freitas. Para a vereadora de Buerarema, Riviane Martins (PSL), que participou da oficina, o SAPL poderia estimular a comunicação com a sociedade. “Tudo está se modernizando e a gente precisa acompanhar para que a população tenha acesso aos projetos de leis”, frisou a parlamentar grapiúna.

Dentro do tópico votação de matérias, a oficina de SAPL mostrou um produto bastante recomendado para casas legislativas, o painel eletrônico. Com ele, o registro do voto é feito pelo vereador ou pelo servidor que administra o sistema. O painel ainda oferece cronometragem de tempo (útil para discursos, apartes e questões de ordem).

Com a oficina de SAPL, ministrada entre 13 e 14 de junho, o Interlegis encerrou a fase de treinamento em Itabuna (a primeira oficina – Portal Modelo – ocorreu entre 11 e 12 de junho). A sexta-feira, 15, está reservada para palestras.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito