i

i

NP

NP

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Ederivaldo Benedito (Bené) Recebeu o Título de Cidadão de Ilhéus

As vésperas de completar sessenta anos de idade e 45 de Jornalismo – em fevereiro de 2019 – o itabunense Ederivaldo Benedito recebeu na noite de segunda-feira, dia 10, durante Sessão da Câmara, no Teatro Municipal, o Título de Cidadão de Ilhéus das mãos do vereador Antônio Matos, do PDS. A solenidade coordenada pelo presidente Lukas Paiva, contou com a presença de autoridades, a exemplo do vice-prefeito José Nazal. 
                                      (Saiba Mais, Click Abaixo)


Jornalista, radialista, bacharel em Direito pela Universidade Estadual de Santa Cruz-Uesc, Benedito é também servidor da Ceplac. 

O título lhe foi conferido em função dos estudos, projetos sociais, eventos científicos e trabalhos de pesquisas que ele desenvolve nos últimos quarenta anos nas áreas de Ciências Humanas junto às duas instituições sediadas no município de Ilhéus. Os trabalhos de Benedito – graduando em Filosofia, pós-graduado em “Economia das Sociedades Cooperativas”, em “Comunicação Empresarial e Rural” e pós-graduado em Direito Penal e Criminologia e mestrando em Educação, com ênfase em Inovações Pedagógicas – estão sendo realizados na linha de pesquisas de “Educação, Inovação e Cidadania”, abordando principalmente nos temas Educação e Cultura, Agronegócio, Cooperativismo e Associativismo, Direitos da Criança e Adolescente, Direitos Humanos e Voluntariado. 

Escritor, poeta, sindicalista, pesquisador da cultura do cacau e da região sulbaiana, Benedito é também graduado em História pela Uesc. No eixo Ilhéus/Itabuna, construiu uma trajetória profissional como repórter dos jornais Correio da Bahia, Tribuna da Bahia, Jornal da Bahia, Notícias Populares, O Estado de São Paulo, O Globo e A Tarde, além de ter participado da implantação das TVs Cabrália e Santa Cruz de Itabuna. 

Na condição de militante político e de ativista social, criou organizações não governamentais estuda a história do sul da Bahia. Como jornalista trabalhou em todos importantes órgãos ligados à cadeia produtiva do cacau, tendo sido assessor de Comunicação da Amurc e do Instituto de Cacau da Bahia, da FTC-Itabuna e da CNPC, da Associação Comercial e da CDL de Itabuna, de Sindicatos, Câmaras de Vereadores e Prefeituras.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito