i

i

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Ilhéus- Projeto ‘Artes na Rua’ movimenta a cidade com apresentações gratuitas

Como parte da programação artística-cultural do verão 2018-2019, a Prefeitura de Ilhéus, por meio da secretaria Municipal da Cultura (Secult), promoverá atividades culturais com performances artísticas contempladas pelo Edital Artes na Rua, de 2 de fevereiro a 12 de março. As atividades acontecem no calçadão da Rua Jorge Amado, Praça Pedro Mattos e outros espaços culturais da cidade, com horários variados (10, 12 e 17 horas).
(Veja Mais, Click Abaixo)





O projeto ‘Artes na Rua’ tem como objetivo fomentar e divulgar o trabalho de artistas e grupos locais, com destaque para o período de alta estação. A programação é gratuita e conta com a participação de grupos de música, teatro, culturas populares e circenses. “A iniciativa pretende difundir a arte, dando oportunidade aos moradores e aos turistas de conhecerem os trabalhos culturais e artísticos produzidos em nosso município”, comenta o secretário municipal da Cultura, Pawlo Cidade.
Atrações

A Mulher Árvore - espetáculo curto de formas animadas, encenadas em um teatro Lambe-Lambe (menor teatro do mundo);
Axé Capoeira - roda de capoeira conduzida pelo mestre Luiz Capeta.
Palhaços do Maktub na Rua – apresentações e números cômicos de palhaços, homenageando a arte do circo, com números cômicos como ‘A hora do chá’, ‘O garçom’, ‘A lavadeira’ e ‘O dentista’.
Billy Fat e Digital Apparatus – apresentação musical do rapper ilheense Billy Fat, destaque no hip-hop regional, que utiliza a música para transmitir seu ponto de vista da realidade.
Banda Violino de Luxo – repertório eclético que vai do arrocha à música pop, usando o violino como diferencial.
Banda Quente – banda autoral de mulheres de Ilhéus, composta por Eloah Monteiro, Ticiana Santos e Izadora Guedes.
Show Amor, Política e Ozadia – versão adaptada da nova obra autoral de um dos mais expressivos nomes da arte de Ilhéus, Cabeça Isidoro.
Sintética – trio musical formado por Marcelo Santtana, Lula Lopes e Cris Passos. O repertório é composto por canções da MPB e música eletrônica.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito