i

i

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Itabuna- Secretária Sandra Neilma Participa da 1ª Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa


Representantes dos municípios do Território Litoral Sul da Bahia e da classe de idosos lotaram o auditório da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), nesta quinta-feira, 4, durante a abertura da 1ª Conferência Territorializada Litoral Sul dos Direitos da Pessoa Idosa. O encontro acontece durante todo o dia para debater sobre os direitos e desafios dos idosos e elaborar propostas que serão apresentadas na Etapa Estadual da 5ª Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa.
                       (Veja o Vídeo e saiba Mais, click Abaixo)



Click Play



Ainda participaram da abertura do encontro, a representante da secretaria de Justiça, Direitos humanos e Social, Lúcia Guedes, a educadora Zélia Lessa, de 92 anos e Rosival Pereira, representando os idosos. A conferência foi uma ação articulada pelos secretários municipais ligados ao Fórum Regional de Assistência Social (FRAS) da Amurc, Secretaria de Assistência Social da prefeitura de Itabuna e a Pró-reitoria de Extensão da Uesc.

A secretária de Assistência Social e presidente do FRAS, Sandra Neilma foi homenageada pelo compromisso assumido com a Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa e destacou que a conferência é um momento oportuno para a construção das propostas, tendo em vista que os direitos dos idosos têm sido violados. “Apesar do avanço do estatuto, as Secretarias de Assistência Social dos municípios têm muito a conquistar. É necessário esse momento de construção das propostas para o atendimento às demandas do idoso”.

Segundo o Pró-reitor de Extensão da Uesc, Alessandro Santana, a análise das demandas dos idosos ganha força com o envolvimento de vários municípios do Litoral Sul e do Médio Sudoeste, que estarão imbuídos em debater um tema importante, no século 21. “Temos que lutar pelas políticas públicas, pelos direitos dos idosos, mas principalmente, não perder nenhum dos direitos adquiridos e não aceitar que seja feita violência contra aos idosos de todas as espécies”.

Ainda na esfera do Poder Público, o coordenador executivo da Amurc, Luciano Veiga falou da importância do entendimento por parte dos representantes públicos, com relação a questão do idoso e seus direitos previdenciários. “Essa é uma oportunidade de discutir a questão dos idosos com muito respeito e consideração, principalmente para que a gente tenha a compreensão sobre a importância dessa faixa etária dentro de uma nação que quer se colocar numa posição de destaque a nível mundial”, concluiu Luciano.

Programação
Até o final da tarde estão previstos trabalhos em grupos, com as seguintes temáticas: Os direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas; A educação: assegurando direitos e emancipação humana; Enfrentamento da violação dos direitos humanos da pessoa idosa e Os conselhos de direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

No final da conferência, será realizada uma plenária para apresentação, discussão e aprovação das propostas deliberadas nos grupos de trabalho dos eixos temáticos. E, em seguida, uma plenária vai eleger os delegados para a Etapa Estadual da 5ª Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa.
















0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito