i

i

BUE

BUE

CV

CV
CORTESIA DO BLOG

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Complexo Porto Sul na região de Ilhéus ganha ato popular


Os detalhes do projeto de construção do Complexo Porto Sul, na região de Ilhéus, foram debatidos durante uma reunião ocorrida na quinta-feira (5) entre representantes do governo ilheense, também do Comitê de Entidades Sociais em Defesa de Ilhéus (COESO), Grupo Redes de entidades sociais e comunidade da zona norte do município.       (Saiba Mais, Click Abaixo)



Na pauta, as estratégias de mobilização em favor do projeto, quando os articuladores elaboraram um ato popular.
O movimento ganhou o nome de “Vem Porto Sul”, previsto para acontecer no próximo dia 20 de setembro, a partir da 9h, com concentração na Praça do Tamarineiro, no bairro Malhado. Com o ato, os articuladores estimam dar força e credibilidade, atrair apoio da população e superar a resistência ao projeto. A mobilização aponta para as necessidades econômicas reais para o desenvolvimento econômico local.

Conforme disse o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo, Jerbson Moraes, as discussões giram em torno das comunidades da zona norte. Para ele, promover encontros que intensifique o debate, traz como resultado o fortalecimento do projeto. “Essas iniciativas colocam Ilhéus no debate do desenvolvimento, afinal, tudo isso vai gerar mais emprego e renda para o município e região”.
“Já é sabido nacionalmente que a comunidade ilheense que reside no entorno apoia a implantação do equipamento. O Governo Municipal está inserido nessa reivindicação popular em defesa do desenvolvimento, mostrando a importância do Porto Sul. Serão gerados mais de sessenta mil empregos diretos, e entendemos que a cidade precisa desse investimento”, conclui o titular do Desenvolvimento Econômico.     
O empreendimento capitaneado pela empresa Bahia Mineração (BAMIN), empresa do Cazaquistão e que em seu projeto prevê a implantação de uma operação logística ao norte de Ilhéus para escoar minério de ferro. A obra englobaria a construção de um porto público e de um terminal privativo da Bahia Mineração, ligados à mina em Caetité pela Ferrovia de Integração Oeste-Leste.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito