i

i

CV

CV
CORTESIA DO BLOG

LOU

LOU

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Novembro Azul tem início no Conjunto Penal de Itabuna com palestras e serviços

Teve início, nessa segunda-feira (11), a programação do Novembro Azul no Conjunto Penal de Itabuna (CPI). Na primeira etapa, que envolveu a realização de palestras a respeito da prevenção ao câncer de próstata, bem como exames de glicemia, aferição de pressão arterial, e vacinação contra hepatites B e C, além de testes rápidos para detecção de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), a exemplo de sífilis, hepatites e HIV/Aids.
(Saiba Mais, Click Abaixo)



A programação do Novembro Azul é promovida pelo Governo do Estado, por meio da empresa Socializa, que administra o presídio. Ao todo foram contemplados 85 internos de um dos pavilhões anexos do CPI. A programação dessa segunda-feira teve a participação de estudantes de Enfermagem da Unime-Itabuna, bem como do Centro de Referência em Prevenção, Assistência e Tratamento (Cerpat) do município de Itabuna, além de enfermeiros da própria unidade prisional.
A segunda etapa está programada para a quinta-feira (14), quando serão realizados exames de próstata para os internos com idade superior a 40 anos. Farão parte dessa ação médicos urologistas, entre eles o Dr Júlio Brito, uma referência nessa especialidade na região sul da Bahia.
Para o diretor do CPI, major PM Adriano Valério Jácome da Silva, a campanha esse ano tem o objetivo de atender a um público mais amplo na unidade, apesar dos desafios da logística.
Novembro é um mês com bastante atividades, mesmo quando se fala apenas na saúde do homem. Veja que em apenas um dia, vacinamos, aferimos pressão, fizemos testes glicêmicos e testes rápidos para ISTs. Ainda faltam os exames de toque, em outra frente, a programação do nosso Novembro Negro, na área pedagógica”, observou o diretor. “Tudo isso é possível graças ao trabalho de uma equipe coesa e dedicada”, concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito