i

i

PMI

CMVI

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Itabuna- Câmara Suspende Atividades até o dia 03 de Abril por Medidas de Prevenção

Frente a coronavírus, Câmara de Itabuna suspende trabalhos e anuncia medidas de prevenção. O cenário de pandemia devido à transmissão do novo coronavírus
(COVID-19), com casos confirmados também no sul da Bahia, levou a Câmara
de Itabuna a determinar a suspensão das sessões e quaisquer eventos,
próprios ou de terceiros, até o dia 03 de abril. Assim como em outras
casas legislativas, os vereadores aderem à recomendação da Organização
Mundial de Saúde (OMS),    (Saiba Mais, Click Abaixo)





segundo a qual deve ser evitada a aglomeração de
pessoas em um mesmo espaço, para dificultar a disseminação do vírus.
Ainda conforme a portaria nº 006/2020, publicada nesta quarta-feira (18)
no Diário Oficial do Poder Legislativo, o funcionamento interno dos
demais setores ocorrerá das 08 às 14 horas, de segundas a sextas-feiras,
no intervalo de 23 de março a 03 de abril. Excepcionalmente esta semana,
as portas estarão fechadas na próxima sexta (20), um dia após o feriado
dedicado a São José, padroeiro do município.

Regras a seguir
O documento refere-se, também, às regras para considerar casos
suspeitos. “Qualquer vereador, servidor, estagiário ou terceirizado que
apresentar febre ou sintomas respiratórios (tosse seca; dor de garganta
ou muscular; cefaleia; prostração e dificuldade de respirar) passa a ser
considerado um caso suspeito e deverá procurar um serviço de saúde para
tratamento e diagnóstico...”, diz o comunicado, assinado pelo presidente
da Casa, Ricardo Xavier.
Em caso de manifestação dos sintomas acima, o público mencionado deverá
realizar trabalho remoto por 20 dias, período em que não poderá
frequentar as dependências da Câmara de Itabuna. Além disso, eventuais
atestados médicos deverão ser encaminhados em cópia digital, via e-mail.
A portaria determina, ainda, que a Diretoria Administrativa providencie
a intensificação de medidas em favor da "limpeza de banheiros, corrimãos
e maçanetas, assim como a aquisição de dispensadores de álcool gel para
áreas de circulação e no acesso a salas e gabinetes".

Discussão em andamento
Um dia antes de a decisão ser publicada, os edis começaram a analisar um
requerimento verbalizado pelo colega Ronaldo Geraldo (PMN), para que
todos os projetos fossem examinados pelas Comissões Técnicas reunidas e
escolhido um só relator. A intenção, colocada na reunião de terça-feira
(17), é que fosse otimizada a necessidade de reuniões presenciais na
Casa, como uma medida em nome da segurança de todos. É o que poderá
voltar a ser discutido, caso seja necessário prorrogar o período de
interrupção inicialmente previsto.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito