i

i

itac

itac

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




A SESAB Libera mais de R$ 1 milhão para Hospital de Base de Itabuna


O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), comemora a liberação de mais de R$ 1 milhão em equipamentos para o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab). O montante foi anunciado pelo secretário Fábio Vilas-Boas na visita que fez à unidade na terça-feira passada, dia 12. No final de semana, a Sesab confirmou que o Hospital de Base receberá em doação um Microscópio neurocirúrgico avaliado em R$ 803.572.00, um Arco cirúrgico ortopédico no valor de R$ 269 mil e um USG portátil no valor de R$ 100 mil, o que totaliza investimento de R$ 1.172.572.00.

(Saiba Mais, Click Abaixo)



Para Augusto Castro, a doação dos equipamentos representa um maior apoio do titular da Sesab aos esforços que a Administração pública empreende para solucionar os problemas do atendimento na média e alta complexidade aos pacientes de Itabuna e dos 120 municípios pactuados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). “O secretário Fábio Vilas-Boas se mostrou parceiro e disse confiar no nosso propósito”, afirmou o prefeito de Itabuna.

Há uma semana, o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, visitou o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães e o Hospital Manoel Novaes, da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, depois de fazer visita de inspeção técnica às unidades de saúde de Ilhéus. Durante a visita ao Hospital de Base, conversou com o diretor-presidente da Fundação de Atenção à Saúde Itabuna Eduardo Kowalski. Depois, em Salvador, recebeu a secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, e sua equipe técnica.

Ao agradecer a visita Augusto Castro disse que Itabuna vai dar um salto de qualidade na média e alta complexidade com o apoio do Governo do Estado, na atenção básica e na criação de um Setor de Traumas no Hospital de Base. E complementou: “Vamos unificar forças na atenção básica e especializada, com Itabuna avançando na área de trauma e fortalecendo a nefrologia, neurologia e cardiologia, enquanto Ilhéus será referência regional para a obstetrícia de alto risco, atendendo gestantes de toda a região”.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito