i

i

itac

itac

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Enfermeiros Departamento da Atenção Básica foram vacinados durante evento na Usemi

Cerca de 60 enfermeiros do Departamento de Atenção Básica que trabalham diretamente na linha de frente de combate à Covid-19 nas Unidades Básicas e de Saúde da Família de Itabuna receberam a primeira dose da vacina Coronavac. Foi durante evento promovido na manhã desta quarta-feira, dia 20, pela Secretaria Municipal de Saúde, na União dos Servidores Municipais de Itabuna (Usemi).

(Saiba Tudo, Click Abaixo)




A surpresa deixou as profissionais eufóricas e felizes. A enfermeira Karen Santana, profissional da área da saúde há cerca de 20 anos, não escondeu a emoção de receber a  dose da Coronavac, assim como a enfermeira Natália Azevedo. “Este é o momento da grande virada. Começamos a vencer a Covid-19. A esperança está reinando”, disse.




Pelo cronograma estipulado pela secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, em acordo com o prefeito Augusto Castro, nesta primeira fase estão sendo vacinados os profissionais de Saúde – enfermeiros, técnicos, auxiliares, etc. - que estão na linha de frente no combate à doença. Na terça-feira, a Prefeitura de Itabuna recebeu um lote de cerca de 2.200 doses da Secretaria de Saúde da Bahia.

O evento na Usemi teve como pauta transmitir informações sobre os indicadores de Itabuna quanto ao número de pessoas acompanhadas nos serviços de saúde na Atenção Básica e a meta estipulada pelo Ministério da Saúde. Agora, os repasses do Governo federal serão feitos tendo como base o Programa Previne Brasil que visa a avaliação criteriosa da cobertura e a qualidade dos serviços.

secretária de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, explica que a meta é que 70% da população sejam cadastrados até abril no E-gestão - sistema do Governo federal. “Atualmente apenas 50% estão cadastrados. Precisamos contar com o envolvimento e comprometimento dos enfermeiros, porque deixar de cadastrar significa que o município deixa de receber recursos”, frisou.

Já a subsecretária Lânia Peixoto destacou que, ao avaliar os dados de 2020, Itabuna não atingiu nenhuma meta dos indicadores, como por exemplo, o mínimo de seis consultas de pré-natal para gestantes: saúde bucal na gestação, aferição de pressão arterial, entre outros.


Lânia afirmou que esse foi o momento de alertar os enfermeiros e chamar sua responsabilidade pelo papel que desempenham na Atenção Básica. Precisamos do envolvimento de todos”, finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito