i

i

Emasa

Emasa

CVR1

CVR1

Chapa

Chapa

E.A.

E.A.

VW

VW

isr

isr

PRF

PRF

Adsense




Secretária anuncia vacinação nos postos de Itabuna a partir do dia 16

 

Na sessão especial dessa quinta, 11, presidida pela vereadora Wilma (PCdoB), a

secretária de Saúde de Itabuna, Lívia Mendes, anunciou o início da vacinação

descentralizada contra a covid a partir de 16 de março. Isso significa que as doses dos imunizantes passarão a ser aplicadas nos 31 postos de saúde do município. Conforme o vacinômetro exibido na Câmara, até a última quarta-feira, 10, haviam sido vacinados 11.144 itabunenses, cobrindo cerca de 80% das 14.064 doses recebidas até o momento.  (Saiba Tudo, Click Abaixo)



Conforme a prévia do Plano Municipal de Vacinação, apresentado aos vereadores, a imunização nos postos de saúde será voltada, inicialmente, para idosos acima de 70 anos, mas haverá busca ativa daqueles com mais de 80 anos que ainda estão com pendência na vacina. Entre as estratégias que a Secretaria deve adotar estão agendamento de horário e de vacinação por agentes de saúde, distribuição de senhas, vacinação domiciliar e drive thru na porta das unidades de saúde.

Lívia apresentou as ações desenvolvidas para prevenção e enfrentamento do

coronavírus. A gestora destacou a ampliação de 40 leitos (entre clínicos e de UTI)

quando o Hospital de Campanha for concluído; o aumento das testagens (incluindo o teste de antígeno), sanitização de espaços públicos e o que a secretária chamou de resgate do papel da atenção básica por meio do Sinmcov, programa criado para detecção e monitoramento da pandemia em Itabuna. Vai ser muito promissor. É a participação mais ativa da atenção básica no isolamento precoce e no acompanhamento [dos infectados]", acredita Mendes.

Vários vereadores reforçaram o discurso de que a pandemia ainda não acabou. Eles alertam sobre a importância das medidas sanitárias de segurança como o

distanciamento social, uso de máscara e a higienização das mãos (com água e sabão e álcool em gel). O espírito é de dar as mãos para salvar vidas. É uma luta de todos, pontuou Wilma. A população precisa abraçar a causa. Já perdemos muitas pessoas. O provedor da Santa Casa, Francisco Valdece, usou a experiência dele como vítima da covid e fez um apelo para que todos respeitem as orientações dos médicos. Não sejam irresponsáveis como eu fui. Porque eu dizia que era parente do homem de ferro e não precisava usar máscaras, salientou Valdece que ficou 40 dias hospitalizado, alguns deles entre a vida e a morte.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito