i

i

CMVI

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Secretários municipais e empresários debatem caminhos para flexibilizar o comércio de Itabuna

 O funcionamento do comércio de Itabuna foi tema de uma reunião nesta segunda-feira, 1º de março, entre secretários municipais e empresários no Teatro Candinha Dórea. O objetivo foi encontrar alternativas para manter as lojas abertas, já que o governador Rui Costa, estendeu as medidas restritivas a atividades não-essenciais até quarta-feira, dia 3, depois do agravamento da Covid -19 em todo estado. 

(Saiba Tudo, Click Abaixo)



Durante, os diálogos com donos de lojas, vereadores e Polícia Militar e o presidente da Câmara de Vereadores, Erasmo Ávila, a secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes, afirmou que o comércio, sem os devidos cuidados, é uma fonte de contaminação. No entanto, deixou claro que é necessário flexibilizar o funcionamento para não que a economia da cidade não seja prejudicada 



Temos que executar todas as medidas também levando em consideração as determinações do Governo do Estado”, alertou a secretária, que mais uma vez pediu a colaboração de todos os segmentos no combate a Covid-19. “Infelizmente, não podemos estar em todos os pontos da cidade ao mesmo tempo”, ponderou.


A reunião teve a presença do presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Carlos Leahy. Durante seu discurso, ele defendeu a abertura do comércio, com seguimento de todos os protocolos de segurança. “Em julho do ano passado, quando as lojas reabriram, fizemos uma pesquisa 60 dias depois e constatamos que não houve aumento no número de casos por causa do comércio”, afirmou.

Para o presidente da CDL é necessária uma fiscalização mais intensa nos bares e restaurantes que aglomeram pessoas. “Não podemos prejudicar os lojistas, que geram renda para a cidade, Comércio fechado é sinônimo de desemprego,” disse Carlos Leahy.

A secretária municipal de Saúde afirmou que não há embate entre Saúde e Comércio, e que o único propósito é salvar vidas. “Precisamos nos unir, pois, Itabuna já é a segunda cidade em número de mortes pela Covid-19 no estado, tendo registrado uma alta de 13,1 por cento no número de casos”

afirmou.


A expectativa dos secretários é para as decisões que podem ser tomadas após a chegada do prefeito Augusto Castro. Ele esteve em Salvador onde se reuniu com o governador Rui Costa, para decidir os rumos das medidas restritivas em Itabuna.

A reunião desta segunda-feira, convocada por determinação do prefeito para ampliar o diálogo com a classe empresarial, teve ainda as presenças dos secretários de Segurança e Ordem Pública, Mariana Alcântara; da Indústria, Comércio, Emprego e Renda, Ricardo Xavier; de Governo, Júnior Brandão; de Relações Institucionais e Comunicação, José Alcântara Pellegrini e do coordenador-geral de Comunicação, Afonso Dantas.


Na reunião, o presidente da Câmara Municipal, Erasmo Ávila, disse que é preciso salvar as vidas e o comércio de Itabuna. “a próxima segunda –feira, vamos fiscalizar as lojas para assegurar as medidas de biossegurança”, anunciou.

Nesta terça-feira, outra reunião será realizada para dar continuidade ao debate, inclusive, porque o prefeito Augusto Castro concederá entrevista coletiva à imprensa no Teatro Candinha Dórea, às 10 horas. Ele vai detalhar o planejamento para a implantação do Hospital de Campanha com 35 leitos clínicos e de UTI, falar sobre o encontro com o governador e anunciar outras medidas.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito