i

i

CVR1

CVR1

PRF

PRF

cm

cm

Adsense




Entidades solicitam apoio do Poder Público para a flexibilização de impostos

 Visando buscar o entendimento do Poder Público Municipal quanto a revisão de impostos cobrados para a manutenção das empresas durante a pandemia do Coronavírus, representantes da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna - ACI, com apoio do CDL e Sindicom, entregaram um ofício ao secretário de Indústria e Comércio de Itabuna, Ricardo Xavier nesta segunda-feira, 12, com a participação de representantes da ACI e da prefeitura.

(Saiba Tudo, Click Abaixo)





O documento solicita a isenção de IPTU e taxas de alvará para as empresas que sofreram fechamentos por conta da pandemia; a prorrogação e parcelamento do ISS; a suspensão da taxa de publicidade; suspensão da tarifa de água (bares, restaurantes e eventos) e criação de um plano de recuperação da economia no pós-pandemia.



O mesmo ofício foi entregue na semana passada, ao presidente da Câmara de Vereadores, Erasmo Ávila, que se comprometeu em apresentar a pauta no plenário. A ideia, segundo o diretor da ACI, Mauro Ribeiro, é “iniciar um diálogo com os Poderes Públicos para que possam avaliar as cobranças, principalmente, entre os pequenos empresários que estão sofrendo com a pandemia”.

O presidente da ACI, Sérgio Velanes, representou as entidades empresariais e chamou a atenção para a necessidade de criação de um auxílio para as empresas que foram afetadas com a crise na saúde pública. “No âmbito municipal, precisamos pensar em medidas para ajudar o CNPJs, que por mais de um ano vem enfrentando dificuldades para a manutenção dos seus negócios”.

O secretário Ricardo Xavier destacou que o município tem defendido a flexibilização do comércio de Itabuna e entende a importância do setor para o desenvolvimento econômico da cidade. Sobre a proposta de auxílio às empresas e as demandas com os tributos, o Ricardo disse que estará avaliando junto ao prefeito, obedecendo aos critérios estabelecidos na lei do município.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito