i

i

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Zé Cocá prestigia posse da Diretoria da CNM e fala em união para fortalecer os municípios


O presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e prefeito de Jequié, Zé Cocá, prestigiou nesta segunda-feira (31) a posse da nova diretoria da Confederação Nacional de Municípios (CNM) para o triênio 2021-2024. Na ocasião, ele defendeu o fortalecimento do movimento municipalista nacional através da união dos prefeitos para superação de dificuldades. Zé Cocá saudou, especialmente, o presidente Paulo ZiulKoski, que retorna à entidade para mais uma gestão, e o ex-presidente da UPB e ex-prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, que foi empossado representante titular da Região Nordeste na diretoria de CNM. (Saiba Tudo, Click Abaixo)




“O Movimento Municipalista unido é maior que os desafios que enfrentamos. É importante reconhecer nossa força, mas também as nossas diferenças, enquanto Brasil, para assim superar as desigualdades e fortalecer a causa dos municípios de norte a sul do país. Não tenho dúvidas, que a experiência de Paulo Ziulkoski e o compromisso desta diretoria, que tem também o nosso baiano Eures Ribeiro, representando o Nordeste, fará um trabalho brilhante. Contem com a UPB e com os prefeitos baianos para defender essa luta junto com a CNM”, afirmou Zé Cocá.

O presidente empossado da CNM, Paulo Ziulkoski, abriu seu discurso pedindo a todos um minuto de silêncio pela perda de quase 500 mil brasileiros para o coronavírus. “Nós não temos tempo para solenidades, temos que ir à luta. Estamos com muita vontade para continuar esse trabalho”, declarou Ziulkoski ao relembrar da formação do movimento municipalista e da luta para que os prefeitos fossem ouvidos e reconhecidos pelos outros poderes. Ele também destacou a missão da CNM: “Nós precisamos qualificar cada vez mais a nossa entidade para dar suporte a vocês lá na ponta”. Ao citar a luta pela votação do aumento de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para o mês de setembro, que aguarda aprovação da Câmara, Ziulkoski deu o tom do que será seu mandato. “Tem que haver o enfrentamento e o embate para conseguir as coisas”, pontuou.

A cerimônia também teve tom de despedida. Homenageado pela CNM ao deixar o cargo, o agora ex-presidente, Glademir Aroldi, falou dos avanços da sua gestão e fez um reconhecimento aos prefeitos e prefeitas pelo apoio garantido no período. “Registrar com carinho o trabalho importante e decisivo do Conselho Político da CNM, formado pelos presidentes das associações estaduais. Não tenho dúvida das conquistas que teremos nos próximos anos por conta da experiência e do comprometimento de cada um de vocês, mas principalmente pela liderança de Paulo Ziulkoski. Cargos são importantes, mas o mais importante é a causa. Fortalecendo os municípios criamos as condições mínimas necessárias para que possam melhorar a vida das pessoas. É uma causa nobre e por essa causa estarei sempre à disposição de todos”, afirmou Aroldi.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito