i

i

itac

itac

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Prefeitura de Itabuna define data para início de mobilização da coleta seletiva


A Prefeitura de Itabuna inicia na próxima semana uma ampla campanha de mobilização social antes de iniciar o Programa de Coleta Seletiva, que integra o Projeto Recicla Itabuna. Para o sucesso, é preciso engajamento de toda a sociedade, como realça a secretaria municipal de Planejamento, Sônia Fontes Para que isso aconteça está sendo organizada uma ampla campanha de mobilização dos itabunenses sobre a importância da separação dos resíduos, ainda no interior dos domicílios, para facilitar a coleta pelos agentes ambientais.

(Saiba Tudo, Click Abaixo)




De acordo com Dielson Mendes, assessor da Secretaria Municipal de Planejamento, as mobilizações terão como principal objetivo levar informações de forma correta e consciente sobre a importância da separação do lixo seco (papel, plástico, metal e vidro) do lixo úmido (restos de alimentos, resíduos de banheiro, papel engordurado e guardanapos sujos) nas casas.

“Neste primeiro momento, será realizado um projeto-piloto de mobilização em sete bairros da cidade que terá início no próximo dia 22 e seguirá até o dia 5 de novembro”, informa Dielson Mendes. A mobilização da semana que vem terá como público-alvo o comércio da cidade. O ponto de concentração será a partir das 14 horas, no Jardim do Ó.

No Jardim Vitória, a mobilização acontecerá no dia 25, no Góes Calmon, no dia 26, e no bairro Conceição, no dia 27. Já os moradores do bairro de Fátima serão visitados pela equipe de mobilização no dia 3 de novembro, do bairro Califórnia, no dia 4, e do São Caetano no dia 5. Em todos os bairros será  sempre às 9 horas.  Pela programação da Secretaria de Planejamento, a coleta se inicia no dia 6 de novembro.

Por determinação do prefeito Augusto Castro (PSD), a Coleta Seletiva foi realizada depois do fechamento do antigo lixão em maio passado e depois de promover a inclusão social das famílias que sobrevivem em situação degradante.

Cada uma delas passou a ser atendida por programas da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza com o apoio da CVR Costa do Cacau. Além disso, foram promovidos cursos de reciclagem e de catadores as pessoas passaram a agentes ambientais

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito