i

i

pmi

AG

AG

câm

câm

itac

itac

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




1ª Conferência Municipal de Saúde Mental foi realizada hoje em Itacaré


Representantes dos mais diversos segmentos da comunidade de Itacaré participaram na tarde desta segunda-feira(14) da 1ª Conferência Municipal de Saúde Mental, que teve como tema central “A Política de Saúde Mental como Direito: Pela defesa do cuidado em liberdade, rumo a avanços e garantia dos serviços da atenção psicossocial no SUS”.  O evento foi coordenado pelo Conselho Municipal de Saúde e presidido pela secretária de Saúde, Andréia Palafoz, que destacou a importância de ampliar cada vez mais as discussões sobre a saúde mental, buscando uma melhor assistência, cuidados e os direitos de todos. (Saiba Tudo, Click no ícone Abaixo)



 

Conforme o decreto assinado pelo prefeito Antônio de Anízio, durante a conferência foram debatidos assuntos como “Cuidado em liberdade como garantia de Direito a cidadania”; “Gestão, financiamento, formação e participação social na garantia de serviços de saúde mental”; “Política de Saúde Mental e os princípios do SUS” e ainda os “Impactos na Saúde Mental da população e os desafios para o cuidado psicossocial durante e pós-pandemia”. Desse encontro foram aprovadas as propostas que serão encaminhadas para a Conferência Saúde Mental da Bahia e ainda escolhidos os delegados que estarão representando Itacaré no encontro estadual.

 

Conforme a escolha, estarão representando o município na conferência estadual os delegados Flavia dos Santos Farias e Maria de Lourdes Silva Santos, representantes dos usuários, Rejane Suely Pereira de Jesus, delegada dos trabalhadores, e Gerson Lino dos Santos Junior, delegado prestador de serviços ou gestão.  Os representantes de Itacaré estarão defendendo as propostas aprovadas na conferência municipal.

 

Dentre as principais propostas discutidas e aprovadas estão o desenvolvimento de capacitação profissional na Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) anualmente; Criação de um centro de reabilitação em álcool e drogas em Itacaré com financiamento tripartite; Garantia da inclusão do terapeuta ocupacional e fonoaudiólogo como membro da equipe multidisciplinar no CAPS; Passe livre para eventos culturais como teatro e cinema e o incentivo a ingressar em trabalho, dentro de suas limitações, sem perda do BPC ou aposentadoria, dentre vários outros assuntos propostos em cada um dos eixos discutidos.

 

A Conferência teve como objetivo a promoção do debate da saúde mental com os diversos setores da sociedade no atual cenário da Reforma Psiquiátrica, que indica novos desafios para a melhoria do cuidado em saúde mental no Brasil. O evento foi aberto a toda a comunidade e busca avaliar e discutir as ações de saúde mental.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito