i

i

pmi

câm

câm

itac

itac

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




PERIGO - Epidemia de Dengue na cidade de Itabuna é um Fato!

A secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, convocou todos setores administrativos  da Prefeitura de Itabuna, na manhã desta sexta-feira, dia 6, para se unir em uma força-tarefa de combate ao Aedes aegypti - mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. Itabuna está vivendo uma epidemia de dengue e é preciso ações rápidas e eficazes para a cidade não viver o mesmo caos do ano de 2016. 

(Saiba Tudo, Click no Ícone Abaixo)





O primeiro mutirão, com o envolvimento de todos os setores da Administração municipal, será realizado no próximo dia 14. “Estamos traçando e colocando em prática, estratégias para frear a proliferação do Aedes aegypti com ações de conscientização e de combate para consequentemente evitar que Itabuna viva o mesmo caos de cinco anos atrás. Será um grande evento de combate e de conscientização de toda população”, explicou Lívia Mendes.
 

(Falta ações mais eficazes)

Segundo dados do Departamento de Vigilância em Saúde, a cidade já contabiliza 988 casos confirmados das três arboviroses. “Posso assegurar que os casos confirmados deste ano, superam em quatro vezes o  de 2021”, alerta a secretária Lívia Mendes. Ela lembra que a cidade já viveu, em anos anteriores, um histórico importante de casos de dengue, com sobrecarga dos serviços de saúde. Por esse motivo, é preciso unir forças.



De acordo com a secretária de Saúde, ações já estavam sendo realizadas, até porque essas doenças são esperadas nessa época do ano em que há chuvas com períodos de estiagem. “Os agentes de combate às endemias fizeram um belo trabalho ano passado, quando o Índice de Infestação Predial reduziu bastante”, afirmou. 



“Mas, a combinação de chuva e calor, enchentes, dentre outros fatores, tudo isso contribuiu para o momento crítico de agora. Atualmente, Itabuna conta com 100% de cobertura dos agentes de endemias em toda sua área rural e urbana”, informou.
 
Participaram da reunião, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde, representantes das secretarias de Infraestrutura e Urbanismo (SIURB), Segurança e Ordem Pública (SESOP), Empresa Municipal de Águas e Saneamento (EMASA), Governo, do Departamento de Limpeza Pública, dentre outros. 



Para Almir Melo Jr, titular da SIURB, todo o suporte necessário no que diz respeito à coleta, limpeza e fiscalização de áreas será dado. “Atuaremos com toda estrutura da Secretaria para controlar essa doença”. Já o Diretor de Limpeza Pública, Lázaro Alcântara Pellegrini, também citou que já vem sendo realizado um trabalho intensivo de limpeza e remoção de entulhos, o que contribui para evitar a proliferação do vetor das arboviroses. "Mas necessitamos do engajamento da população mantendo quintais e terrenos baldios limpos", finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito