i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Alegria e emoção marcaram a certificação do BB Educar

O auditório do Colégio Ciso de Itabuna ficou pequeno na manhã
da última (5) para caber a alegria e emoção dos novos cidadãos e
cidadãs itabunenses que já dominam a arte da leitura e da escrita.
Jovens, adultos e idosos estavam reunidos naquele espaço para
participarem da solenidade de certificação do curso de alfabetização
do Programa BB Educar – Eu Cidadão, desenvolvido pela secretaria
Municipal da Educação em parceria com a Fundação Banco do Brasil.

“Hoje é um dos dias mais felizes de minha vida. Poder
participar desta festa e saber que agora eu sei ler e escrever é motivo
de alegria e orgulho para mim”. Foi com estas palavras que a senhora
Diozina Cirila Oliveira, de 93 anos, descreveu o seu sentimento de
descobrir que, a partir de agora, ela domina a arte da leitura e da
escrita. Interna do Abrigo São Francisco de Assis, a idosa integrou o
núcleo alfabetizador que funcionou naquela instituição.
Além de dona Diozina, mais de 1.250 pessoas participaram
desta etapa do BB Educar, que é integra o Programa de Alfabetização
Solidária do Ministério da Educação (MEC) e vem sendo desenvolvido
em Itabuna desde o ano de 2005. Durante o ato, também foram
homenageados diversos educadores que dão apoio pedagógico ao
programa.
A solenidade de certificação contou com a participação do
chefe de gabinete do prefeito de Itabuna, Ivann Krebbs Montenegro,
que também representou o chefe do executivo Capitão Azevedo; da
assessora de Gabinete da SEC, Maria de Lourdes Santana, além do
presidente da Fundação Marimbeta, Geraldo Pedrassoli, da presidente
do Conselho Municipal do Idoso, Nilza Coutinho, e do representante
da Fundação Banco do Brasil, Wedly de Jesus Oliveira.


A professora Lourdes Santana afirmou que para a Secretaria
da Educação o fato de poder certificar mais 1.250 novos cidadãos
como aptos à leitura e escrita é muito significativo para o processo
de inclusão proposto pela política educacional do município. “Isso só
é possível por conta da dedicação de centenas de alfabetizadores que
nos mais diversos núcleos espalhados pela cidade fazem acontecer o
Programa BB Educar, promovendo mais cidadania”, frisou.


A coordenadora do Programa BB Educar, Lucineide dos
Santos, destacou que os excelentes resultados alcançados no
município serviram para referendar nacionalmente Itabuna junto
ao MEC. Em consequência deste reconhecimento, o Ministério
convidou a coordenadora para integrar o grupo de trabalho que está
definindo as diretrizes para formação de alfabetizadores no País.

Foto: Waldir Gomes –


1 comentários:

Anônimo disse...

isso é uma grande falsa cade o dinheiro dos alfabetizadores que ate hoje não pagaram essa coordenadora nunca responde e agora então acabou a mamata não é

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito