i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Hospital de Base fecha ações do Setembro Laranja, mês de atenção ao paciente.


A coordenação de Enfermagem e o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, mantido pela Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI) encerrou na quinta-feira passada, dia 30, a Campanha “Setembro Laranja Pela Segurança do Paciente”, em referência ao Dia Mundial da Segurança do Paciente, comemorado no dia 17 de setembro.

(Saiba Tudo, Click no Ícone Abaixo)





Ao todo, quatro palestras foram ministradas no auditório da unidade hospitalar, voltadas para profissionais de saúde e estudantes. A primeira, sobre “Prescrição Segura e Boas Práticas de Administração de Medicamentos”, foi apresentada pela enfermeira e coordenadora do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS), Fabiana Souza, e pelo médico anestesiologista Jilvan Silveira.
Em seguida, a médica onco-hematologista e responsável técnica do Banco de Sangue da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (SCMI), Regiana Quinto, falou sobre Boas Práticas na Administração de Hemocomponentes.



O coordenador de projetos da SCMI, Danilo Itaparica, explanou sobre o tema “O uso das ferramentas da qualidade na tratativa de eventos adversos”. Ele afirmou que ficou feliz em poder contribuir com o fortalecimento da cultura de segurança do paciente no HBLEM. 

“O treinamento das equipes da unidade hospitalar, reforçando os principais conceitos e as práticas que buscam a segurança do paciente como responsabilidade de todos, é imprescindível para a efetividade e sucesso dos processos de trabalho”, afirmou.

As palestrantes Jackelinne Simões, coordenadora do escritório da qualidade da SCMI, e a enfermeira Nathália Trindade fecharam o evento com o tema “Protocolo de cadeia medicamentosa: experiência de implantação”.

O coordenador geral de enfermagem do HBLEM, Eduardo Oliveira, afirmou que a segurança do paciente e a atualização profissional têm se tornado tão relevantes que se passou a definir “qualidade do cuidado” como uma das temáticas de principal relevância para ser trabalhada no serviço. “Com isso aumentamos as chances de produzir os resultados desejados e de forma consistente, prestando uma assistência de qualidade e segura”, concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito