i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Itabuna- SME Vai Entregar Novas Escolas Requalificadas


A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SEDUC),  entregou mais duas escolas requalificadas nesta semana:  Escola Municipal Tereza Cristina Ribeiro Estrela e a Escola de Campo Filemom Brandão, que já voltaram  às atividades nesta segunda e terça feira. Também a Creche-Escola Otaciana Pinto, no Santo Antônio, a Escola Municipal Amélio Cordier, no Santa  Inês,  Gil Nunes Maia, no Jorge Amado e Creche Pequeno Aprendiz. Em algumas unidades escolares a reforma das instalações foi geral, tanto no espaço urbano como no campo. (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)





As obras incluíram melhorias nos telhados, parte elétrica, piso, mobiliário, reforma e ampliação nos sanitários, melhoria em aspectos relacionados à ventilação e até instalação de lousa. “Em Itabuna, 81 escolas já estão em pleno funcionamento. Agora, só nove faltam ser entregues”, disse o diretor de Infraestrutura da Secretaria Municipal da Educação, Eugênio Abreu.

O titular da SEDUC, professor Josué Brandão Júnior,  destaca o empenho dos profissionais da Infraestrutura em acelerar a requalificação das unidades escolares da Rede Municipal de Ensino para que o projeto de modernização das escolas seja concluído como deseja o prefeito Augusto Castro (PSD).

“Estamos trabalhando firme nesta ação, como jamais ocorreu na história da cidade, para compensar os prejuízos advindos no pós-pandemia do Covid-19. Todas as redes escolares sofreram com a suspensão das atividades em cerca de dois anos. Portanto, até o final de outubro, no mais tardar início de novembro, fechamos o pacote de reformas e também de substituição do mobiliário de professores e alunos”, enfatiza.

Ao todo foram investidos cerca de R$ 30 milhões em recursos próprios do município, sendo  R$ 17.900.000,00 nas obras de ampliação do espaço educacional mais  R$ 11.133,371,24  na compra de novos mobiliários. “São conjuntos para refeitórios, conjuntos para crianças pequenas da educação infantil, carteiras para estudantes, mesas e cadeiras para professores”, explica Júnior Brandão..

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito