i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Itabuna inicia vacinação de pessoas maiores de 18 anos com a Pfizer Bivalente


Pessoas acima dos 18 anos de idade já podem tomar a vacina Pfizer Bivalente contra a Covid-19 nas Unidades Básicas e de Saúde da Família de Itabuna. A ampliação da faixa etária consta na Nota Técnica enviada  a Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde  na segunda-feira, dia 24, pelo Ministério da Saúde. A Pfizer Bivalente protege contra as cepas originais da Covid-19 e sub-variante de Ômicron. A coordenadora da Rede de Frio, Camila Brito, explica que a pessoa nessa faixa etária não precisa ter comorbidade para tomar a vacina Pfizer Bivalente. O imunizante é indicado para pessoas que tomaram a primeira e a segunda dose há quatro meses.   (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)

 

“É importante ressaltar que não existirão mais as terceira, quarta e quinta dose. A orientação é que pessoas hígidas e saudáveis podem sim tomar a vacina. Já os indivíduos imunossuprimidos, além das D1 e D2, ainda necessitam de uma dose de reforço e em seguida a Bivalente”, esclareceu.

 

 A vacinação com Pfizer Bivalente começou no dia 27 de fevereiro em todo país e já contemplou todos os outros grupos prioritários. Mesmo com a ampliação dos grupos, a procura pela vacina ainda é baixa em Itabuna, a exemplo das demais cidades brasileiras.

 

Segundo Camila Brito, a cidade ainda não tem nem 5% de pessoas imunizadas com a bivalente. “Esperamos conseguir  um indicador vacinal relevante para o município e o estado, isto porque a estimativa é que mais 180 mil pessoas maiores de 12 anos  sejam vacinadas”, afirmou.

 

No próximo sábado, dia 6 de maio, será realizada uma campanha contra a Influenza  em todas  as  Unidades de Saúde, das 8 às 16 horas, quando  a Rede de Frio vai inserir a aplicação da Pfizer Bivalente na programação, já que as duas vacinas podem ser aplicadas simultaneamente. “Vamos ofertar o imunizante para a população maior de 18 anos”, afirmou Camila Brito.

 

 A professora aposentada Normalice Dutra de Almeida foi até o Centro de Saúde José Maria de Magalhães (antigo SESP) nesta terça-feira, dia 25, tomar a vacina Pfizer Bivalente. “Sou a favor da ciência. As pessoas às vezes criticam a vacina, mas prefiro acreditar em quem estudou o imunizante e cumprir o meu dever”, falou.

 

Por último, a coordenadora Camila Brito reforça que a Covid-19 é uma doença viral, como a Influenza,  e  pode trazer complicações ainda desconhecidas. “A Covid-19 não está  totalmente controlada. O que ocorre  é uma ausência da testagem  que  leva a  população a crer que se trata de uma virose. Mas, a pessoa vacinada pode evitar a transmissão de cargas virais”, disse.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito