i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

car

car

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Comenda Firmino Alves 2023- Emoção e Reconhecimento na Comovente Entrega

“Se Itabuna está bem, Itapé, Buerarema, Ibicaraí, Ilhéus e Itacaré no turismo e os demais municípios do Sul da Bahia também estarão bem, crescendo e se apoiando no nosso desenvolvimento”. A afirmação foi feita pelo prefeito Augusto Castro (PSD) ao saudar as 22 personalidades dos vários segmentos sociais, econômicos, políticos e culturais agraciados com a Comenda Firmino Alves em comemoração aos 113 anos de emancipação político-administrativa de Itabuna. A solenidade aconteceu na noite de quinta-feira, dia 27, no Teatro Municipal Candinha Dória, contando com expressiva participação da sociedade grapiúna e de convidados como o deputado estadual e Líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado Rosemberg Pinto (PT),
Saiba Tudo, Click no Ícone Abaixo)




secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Governo da Bahia, Davidson Magalhães, dentre outras autoridades.

“Temos a expectativa da chegada do maior investimento em logística do Brasil, o Porto Sul e a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), que vão estimular muito mais o desenvolvimento da região Sul da Bahia. Por isso, precisamos nos unir para a atração de novos negócios: polos de logística e moveleiro, atração o algodão e a soja do Oeste e o turismo no Litoral Sul, do minério e a celulose cujo destino são o Porto de Ilhéus e passam por Itabuna”, acrescentou.




Para o prefeito, com os investimentos públicos e privados que têm sido aportados na Região Cacaueira da Bahia e o apoio e obras do Governo do Estado, como a exemplo a BA-649, teremos em pouco tempo empreendimentos imobiliários que vão gerar oportunidades de emprego no que será uma avenida entre Itabuna e Ilhéus. “Os investimentos planejados pelo governo estadual nos últimos 15 anos estão chegando agora”, realçou.




Augusto lembrou que pegou uma cidade com muitas dificuldades ao assumir o mandato de prefeito. “Itabuna não tinha crédito na praça, acumulava dívidas com o Governo Federal e com pendência com os órgãos de controle, mas conseguimos encontrar uma solução. Por isso, vamos assinar contrato para tomada de crédito internacional nos próximos dias, para passar pela aprovação do Senado Federal”, disse.

“Conseguimos avançar, está no Ministério da Fazenda um projeto de limite financeiro para financiar obras de infraestrutura, saneamento e abastecimento d’agua na cidade. Aliás, amanhã, Dia da Cidade, o governador Jerônimo Rodrigues chega para assinar autorização para a licitação da construção de dois grandes reservatórios no Projeto Mais Água com o qual vamos resolver de forma definitiva a falta d’água. Com isso, vamos atrair indústrias e levar água às residências”, afirmou o prefeito.

“Com o apoio do presidente Lula, do governador Jerônimo Rodrigues, do ministro Rui Costa, das bancadas de senadores e deputados federais e estaduais, Itabuna vai continuar crescendo, acolhendo e pensando nas pessoas. Quero parabenizar cada homenageado pelo merecimento que prestaram serviços e continuam prestando ao nosso desenvolvimento. Parabéns, Itabuna 113 anos de história, de luta e de resistência”, discursou.

O reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Alessandro Fernandes Santana, um dos agraciados com a Comenda Firmino Alves, falou em nome dos homenageados. “Compreendo que essa Comenda que ora recebo é coletiva, pertence a cada um dos 808 docentes da Universidade, aos 500 técnicos-administrativos, aos nove mil alunos da graduação, mas pertence a cada um e a cada uma que ajudou construir a nossa Universidade”, falou.

“Há 50 anos, estávamos concluindo o campus que leva o nome do saudoso Professor Doutor Soane Nazaré de Andrade, um homem visionário que pensou a educação superior não só para a região, mas para toda a Bahia. Presente aqui está o Professor Doutor Aurélio Farias de Macedo, ex-reitor. Foram homens e mulheres que naquele tempo pensaram num lugar para filhos e filhas concluírem o curso superior”, discursou.

O reitor lembrou que a UESC nasceu com três escolas isoladas – Direito, em Ilhéus, e Economia e Filosofia, em Itabuna. “A partir daí nasceu a Federação das Escolas Superiores de Ilhéus e Itabuna (FESPI), com apenas três cursos. Atualmente temos 35 cursos na graduação na nossa Universidade que tem convênios com 49 instituições de ensino superior em 22 países de vários continentes, à exceção da Oceania, mas o protocolo está em andamento”, relatou.

Ao abrir sua fala, o reitor fez homenagens póstumas aos ex-professores Antônio Olímpio Rehem da Silva, ex-prefeito de Ilhéus, por três mandatos, que faleceu na madrugada aos 91 anos, e Soane Nazaré de Andrade, em Salvador. Lembrou o legado de cada um e fez um paralelo sobre a entrega da Comenda Firmino Alves que é reconhecimento.

“Nossa Universidade, ranqueada como a melhor Universidade estadual da Bahia, foi a melhor invenção da sociedade grapiúna. Não foi criada a partir de um Decreto, e sim reconhecida. Hoje, a região que no passado produzia cacau in natura, produz chocolate e conhecimento. Participamos de um prêmio da Bosch com alunos de Engenharia e a UESC foi a primeira colocada, superando ‘ilhas de excelência’ do sul e sudeste do país. Por último, citou todos os reitores que o antecederam.

HOMENAGEADOS


Governador Jerônimo Rodrigues

Vice-governador Geraldo Junior

Secretaria da Educação da Bahia, Adélia Pinheiro

Reitor da UESC, Alessandro Fernandes Santana

Reitora da UFSB, Joana Angélica Guimarães da Luz

Deputado estadual Rosemberg Pinto

Médica Mércia Alves da Silva Margotto

Médico e bioquímico Baldoino Lopes Azevedo

Médico cirurgião Eduardo Fontes Neto

Médico Humberto Barreto de Jesus

Professora Leninha Vila Nova

Musicista Maria de Lourdes Dantas Andrade

Padre Acássio Alves da Silva

Padre Tony Valério Rodrigues dos Santos

Pastor Carlito Machado Fiel

Pastor Geraldo Santos Meireles

Empresário Pedro Henrique Silva de Assis

Pastor Éder de Jesus Lima

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito