i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

car

car

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Hospital de Base apresenta resultados parciais do “Projeto Transformação LEAN”


O Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, instituição administrada pela Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI), apresentou nesta terça-feira, dia 28, os resultados parciais do Projeto Transformação LEAN, que é a segunda fase do “LEAN nas Emergências”. Com foco no Centro Cirúrgico, nas Unidades de Internação Clínica e Cirúrgica e nos Centros de Terapia Intensiva (CTIs), o objetivo do projeto é trazer mais eficiência, buscando a segurança e a qualidade na assistência aos pacientes. (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)



 


 A equipe do Hospital Sírio-Libanês (SP), composta pelo consultor-médico Raimundo Nonato Diniz R. Filho e pelo especialista em processos, Clécio Souza, realizou ao longo de seis meses 10 visitas quinzenais à unidade hospitalar. Durante esse período foram trabalhadas algumas ferramentas do LEAN, dentre as quais melhorias de processo, mapeamento de fluxo e análises para se fazer um diagnóstico: o Makigami, o Kamishibai, o Huddle no Centro Cirúrgico, o Setup e o Bate Mapa.

 



Algumas mudanças já são notadas: capacitação da equipe, diminuição do tempo de higiene das salas do Centro Cirúrgico (SETUP) e diminuição nos atrasos de início das cirurgias já. “A ideia foi identificar as oportunidades de melhorias para poder trabalhar, transformando o desperdício em capacidade”, explicou Clécio. 

 

A próxima etapa do Projeto Transformação LEAN é a fase de monitoramento de forma remota pela equipe, que vai acompanhar a sustentabilidade e continuidade de implantação de algumas ferramentas que ainda estão em planos de desenvolvimento: o Kamishibai, implantado no Centro Cirúrgico e cuja implantação foi iniciada nas unidades de internação.

 

“O time HBLEM tem grandes desafios pela frente que é fazer a sustentabilidade de todas essas ferramentas, mas está empenhado em trazer esses resultados”, declarou Clécio.

 

A coordenadora do Centro Cirúrgico, Ana Flávia Ribeiro comentou que “o projeto trouxe melhorias para o trabalho da equipe e a valorização na assistência dos nossos pacientes cirúrgicos, ajudando a otimizar o tempo e evitando a suspensão e os atrasos das cirurgias”.

 

Para o diretor técnico-médico do HBLEM, Paulo Medauar, o projeto veio agregar mais conhecimento e trouxe uma mudança de cultura para o hospital. “O nosso time tem capacidade de buscar melhorias usando a metodologia LEAN. E isso é fruto da gestão do prefeito Augusto Castro, que investe muito na saúde”, declarou.

 

O “LEAN nas Emergências” é um projeto do Ministério da Saúde e acontece através do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS), em parceria com hospitais de excelência do país.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito