i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

car

car

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Polícia Militar da Bahia forma 966 crianças e adolescentes no PROERJ

Crianças e adolescentes participantes do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) se formaram nesta terça-feira (5). Na Bahia, o projeto desenvolve atividades educacionais voltadas à prevenção ao uso de drogas e à violência nas instituições de ensino públicas e privadas nas 76 unidades espalhadas por todas as regiões do estado. Realizada no Centro de Convenções, a solenidade de formatura unificada dos 966 integrantes do programa contou com a presença do governador em exercício, Geraldo Júnior.

 (Saiba Tudo, Click no Ícone Abaixo)






“É maravilhoso ver a colaboração entre as secretarias da Segurança Pública e da Educação e a Polícia Militar da Bahia para transformar vidas e afastar os jovens da criminalidade, das drogas e da violência. É mais uma ação transversal de sucesso do Governo”, afirmou Geraldo Júnior.


 


O Proerd é uma versão brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistence Education (Dare), implantado nos Estados Unidos e já desenvolvido em mais de 40 países. No Brasil, o projeto foi criado em 1992 e é considerado pela Organização das Nações Unidas (ONU) como um dos maiores programas de prevenção as drogas e violência do mundo. Na Bahia, mais de um milhão de crianças e jovens já foram atendidas pelo programa.

 

“O Programa está consolidado, em constante crescimento e com investimentos cada vez maiores, visando, não só a transversalidade das ações de governo, mas também a cidadania e aproximação da comunidade com a segurança pública e a educação”, afirmou o secretário estadual da SSP, Marcelo Werner.




Durante a cerimônia, 11 alunos de escolas da rede pública de ensino atendidas pelo Comando de Policiamento Regional da Capital - Atlântico/CPRC foram premiados com bicicletas, após vencerem o concurso de redação promovido pelo programa. “É a prevenção primária dentro do compromisso de Estado de levar segurança em todas as dimensões, iniciando o processo família-escola e orientando os jovens para que se tornem verdadeiros cidadãos do amanhã, fazendo uma sociedade de paz e, sobretudo, de inclusão”, defendeu o comandante da Polícia Militar da Bahia (PM-BA), coronel Paulo Coutinho.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito