i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Geraldo Júnior recebe Plano Decenal dos Direitos Humanos da Criança e do Adolescente-Ba

 A proteção aos direitos da criança e do adolescente foi reforçada nesta quinta-feira (6) com a entrega para o governador em exercício Geraldo Júnior do Plano Decenal dos Direitos Humanos de Criança e Adolescentes do Estado da Bahia – 2022-2032. O documento, que contém as diretrizes e o planejamento estratégico das ações que promovem o fortalecimento do sistema de garantia de direitos desse grupo prioritário, foi elaborado por representantes do Conselho da Criança e do Adolescente (Ceca), que reúne membros do Governo do Estado e de entidades da sociedade civil. O ato foi realizado na Secretaria de Segurança Pública (SSP), no Centro Administrativo da Bahia.

 (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)




O governador em exercício Geraldo Júnior afirmou que as políticas públicas são resultados de trajetórias de lutas, e que com os direitos das crianças e adolescentes não é diferente. “Hoje estamos recebendo oficialmente este documento para que a gente possa estabelecer isso dentro do nosso PPA [Plano Plurianual Participativo], para que nos próximos anos faça parte do nosso governo. Essas diretrizes, com certeza, vão reverberar no futuro das nossas crianças e adolescentes”.

 

De acordo com o titular da Justiça e Direitos Humanos, Felipe Freitas, o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) é um dos instrumentos legislativos mais avançados do mundo. “O ECA nos convoca a desenvolver, nos municípios e nos estados, instrumentos de planejamento que deem conta de priorizar o lugar das crianças e adolescentes no lugar da execução das políticas públicas. O Plano Decenal é um desses instrumentos que ajudam a gente a ter uma ação de longo prazo, olhando para todos os entes federativos, olhando para o Sistema de Justiça, podendo assim ter uma ação de Estado em favor da defesa dos direitos desse grupo, que é prioritário do ponto de vista da garantia de direitos e da cidadania”.

 

Política Pública

 

Segundo a coordenadora da elaboração do Plano Decenal, Lara Matos, o documento possui cinco eixos articulados para garantir os direitos sociais deste grupo. “São eixos de promoção de direitos, proteção e defesa, participação da criança e do adolescente, controle social e gestão da política, que interagem entre si e é preciso que os órgãos da administração pública ajam fazendo a gestão da transversalidade. Cada um atuando a partir da sua competência, mas também em diálogo permanente com os outros entes. Isso vale para a nossa relação com o município, para a nossa relação com o Sistema de Justiça e com as entidades da sociedade civil”.

 

Para o presidente do Ceca, Antônio Marcos Santos, a solenidade marcou um compromisso. “ O plano que a gente entregou agora para o governador representa isso, o compromisso do Estado da Bahia de, em dez anos, caminhar para a gente não ter mais nenhuma criança nas ruas, para a gente não ter nenhuma criança assassinada, para a gente ter de fato crianças e adolescentes se desenvolvendo de forma plena, se construindo como adulto e assumindo o compromisso de construir um País melhor”, sintetizou.


0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito