i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Itabuna promove Pré conferências da Assistência Social nesta semana

Com o objetivo de debater com a comunidade os rumos da política de assistência social no município, além de elaborar propostas para melhoria das ações cotidianas, acontece nesta semana em Itabuna as Pré-conferências da Assistência Social. O objetivo é consolidar propostas para a Conferência Municipal prevista para o próximo mês de junho.

(Saiba Mais, Click n o Ícone Abaixo)




Na sexta-feira, dia 19, estão programadas as Pré-conferências do Centro de Referência de Assistência Social e do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) São Caetano (CRAS IV/CRAM), a partir das 8 horas e também às 13h30min no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP), Rua Ribeirão, 75, no Bairro de Fátima.


O titular da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (SEMPS), Josué Brandão Júnior, informou que esses encontros reúnem usuários, trabalhadores, entidades socioassistenciais e gestores do SUAS e por isso são realizados nos CRAS e nas entidades que integram a Rede de Apoio.


“É um momento importante porque aproxima os assistidos desses serviços do poder público, ao tempo em que serve para a elaboração de propostas de melhorias para o Sistema Único de Assistência Social”, afiançou.


Junior Brandão afirmou ainda que as discussões são também uma oportunidade para que a população apresente suas reivindicações em relação ao SUAS. Ele lembrou que o município trabalha com a garantia de direitos, dai a importância de se perceber as necessidades de cada território.


“Já a Conferência da Assistência Social é instância com atribuições a avaliação da política de assistência social e a definição de diretrizes para o aprimoramento do Sistema Único de Assistência Social”, informou o secretário. Ele ressaltou que a Conferência é uma iniciativa do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e da SEMPS.


O secretário enfatizou que as sugestões aprovadas na Conferência Municipal  seguem o Conselho Municipal, órgão fiscalizador e responsável pelo Grupo de Trabalho que vai acompanhar as deliberações para que sejam efetivadas e levadas à instância estadual.


O ciclo de eventos dessa natureza se encerra com a promoção das Conferências estadual e nacional.   Os encontros preliminares foram iniciados na segunda-feira passada, dia 15, no Centro de Referência de Assistência Social  (CRAS II) no Bairro Nova Ferradas. 

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito