i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Prefeito Augusto Castro abre a XIV Conferência Municipal de Assistência Social


O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), abriu oficialmente na manhã desta quinta-feira, dia 15, no Teatro Municipal Candinha Dória, a XIV Conferência Municipal de Assistência Social. Neste ano tem como tema “Reconstrução do SUAS: o SUAS que temos e o SUAS que queremos”. A Conferência Municipal sucedeu uma série de reuniões denominadas de Pré-conferências e vai avaliar as políticas públicas e ao mesmo tempo propor estratégias de melhoria para execução dos serviços, programas, projetos e benefícios socioassistenciais do município. (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)





“Cada dia aumenta a nossa responsabilidade com o social, em direcionar ainda mais o nosso olhar para as pessoas que mais necessitam dessa atenção assistencial. O nosso governo sempre manteve e continuará mantendo atuação marcante com as políticas públicas do social”, comentou o prefeito Augusto Castro. O encontro foi marcado pela presença de representantes de trabalhadores, entidades prestadoras de serviços socioassistenciais e usuários do SUAS. Também estiveram presentes o secretário municipal de Planejamento, José Alberto Lima Filho, e o vereador Israel Cardoso. Todos com o único objetivo: aprimorar as políticas públicas do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).




O secretário municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza, Josué Brandão Júnior, ressaltou a importância do Conselho Municipal de Assistência Social para realização da XIV Conferência.  “Nós temos um Conselho muito atuante que trabalhou bastante para a realização dessa Conferência Municipal, que é uma preparação para a Conferência Estadual, em Salvador”, declarou.



Ele frisou que Itabuna se destaca neste tipo de evento por ser uma cidade pólo que mobiliza servidores, entidades representativas, assistidos, políticos e cidadãos de um modo geral para esse momento de debates sobre o que o município tem como política municipal de promoção social e o que o município deseja.


 “Temos várias políticas públicas em nossa cidade, umas acontecendo bem e outras em fase de melhorias, a exemplo de equipamentos que estão em reforma como o Centro POP, o CRAS 1, o CRAS CEU e a Casa Regional da Mulher. Mas é importante lembrar que a Promoção Social não anda sozinha, caminha junto com as secretarias municipais de Saúde, Educação, Esporte e Lazer, Finanças e Orçamento, entre outros setores da Administração Municipal”, realçou.


O evento ainda foi marcado por apresentações culturais, uma palestra magna ministrada pela assistente social Rosa Nonato, especialista em Gestão Pública, em Serviço Social com ênfase em Saúde e técnica da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, além de debates de várias temáticas que foram divididas em eixos, entre eles, financiamento, controle social, serviços, programas e projetos, benefícios e transferência de renda. Ao final, serão eleitas as propostas e os delegados à Conferência Estadual de Assistência Social.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito