i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

car

car

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Declaração de Porfírio Coloca o PT de Itabuna em ( mais um) Embate- Vamos Lutar P/ Reeleição

Em entrevista ao quadro “Gente de Vitória” desta terça-feira, 11, dentro do programa “TVI News”, da TVI, o vereador licenciado pelo PT e atual presidente da Fundação Marimbeta fez menção clara de que, no que se trata das eleições municipais do ano que vem, muito possivelmente irá apoiar a tentativa de reeleição do prefeito Augusto Castro. A declaração do presidente mexe mais uma vez com o tabuleiro de possíveis pré-candidatos, uma vez que, a princípio, o que se cogitava sobre quais rumos o diretório local do PT tomará (ou tomaria) no ano que vem, seria algo do tipo, de um lado, ele (o próprio Porfírio) e, de outro, o ex-prefeito Geraldo Simões como prefeituráveis.

 (Saiba Tudo, Click no Ícone Abaixo)





A declaração de Porfírio desmonta esse cenário e coloca o PT de Itabuna sob o apelo de que apoie a tentativa de reeleição do prefeito. A fala veio a rigor da mensagem a que foi convidado a proferir ao final de sua entrevista, parabenizando o povo de Itabuna pelos 113 anos de emancipação política, a serem comemorados no próximo dia 28 de julho.

 

Porfírio disse que Itabuna é uma cidade que “vive no atraso porque não reelege” e que “muitas outras cidades deram uma segunda chance para prefeitos e conseguiram se desenvolver, a exemplo de Vitória da Conquista e Ilhéus”.

 

Se o ex-prefeito Geraldo Simões terá sustentação suficiente para levar o seu projeto de candidatura até o fim, não se sabe, mas o que se sabe é que, até aqui, todas as decisões de Porfírio que contrariaram o nome forte do PT local acabaram por serem balizadas pelo diretório estadual, a saber: 1) no início do mandato, o diretório local queria que Porfírio (eleito) se colocasse como oposição ao prefeito Augusto Castro; além de ter ido para a base de apoio do prefeito, ainda se tornou o líder do governo na Câmara; 2) o diretório local esboçou que o PT não faria parte da atual gestão; Porfírio foi convidado três vezes pelo prefeito Augusto Castro para assumir a Fundação Marimbeta e, na terceira vez, aceitou ao convite; 3) o mandatário do PT local quer que o partido tenha candidato próprio na próxima eleição, prevendo-se a realização de uma prévia em que estariam em disputa os nomes de Manoel Porfírio e Geraldo Simões; Porfírio indica, agora, que o diretório local não tem musculatura suficiente para levar esse projeto de candidatura até o fim e se colocou na posição de apoiador do prefeito Augusto Castro (PSC).

 

De todas as quedas de braço enfrentadas até aqui, pode se dizer que o placar está favorável para Manoel Porfírio. Disparadamente e mesmo após o Simões ter sido fotografado há alguns dias tomando um café da manhã com o presidente Lula.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito