i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

car

car

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Conferência de Cultura de Itabuna no Adonias Filho atrai atenção da classe artística

 

Imagem da Ascom

A classe artística, agentes e produtores culturais itabunenses estão mobilizados para a IV Conferência Municipal de Cultura, que vai se realizar no final de semana no Centro de Cultura Adonias Filho, com início no sábado, 18 h. Entre os meses de agosto e outubro foram realizadas três pré-conferências com estudos sobre a Lei Municipal da Cultura para que as políticas públicas fossem discutidas.

(Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)





As informações foram repassadas pelo presidente de Conselho Municipal de Políticas Culturais de Itabuna (CMPCI), Egnaldo França, acrescentando que o órgão que reúne agentes e produtores culturais em  nove setoriais – artes cênicas, cultura popular identitária, literatura, afro, música, meio ambiente, artes visuais, audiovisual e comunicação – está preparado para o evento.


O CMPCI juntamente com a Prefeitura de Itabuna e a Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) são responsáveis pela IV Conferência Municipal de Cultura que tem como tema a “Democracia e Direito à Cultura”.


Por isso, todas as atenções estarão voltadas para a Conferência Municipal de Cultura que, depois do credenciamento, começa no início da noite de sábado, com a aprovação do Regimento Interno, seguida de apresentações culturais de artistas itabunenses.


No domingo, dia 22, a partir das 8h, mediadores apresentarão eixos temáticos que serão debatidos ao longo do dia, com trabalhos em grupos e plenária. Ao todo, são seis eixos definidos em nível nacional pelo Ministério da Cultura que em nível local terão como mediadores.


No Eixo 1: Institucionalização, Marcos Legais e Sistema Municipal de Cultura, Aline Setenta (UESC) e Eixo 2: Democratização do Acesso à Cultura e Participação Social, Samuel Matos (UESC), Eixo 3: Identidade Patrimônio e Memória, Janete Macêdo (UESC), Eixo 4: Diversidade Cultural e Transversalidade de Gênero, Raça e Acessibilidade na Política Cultural, Lula Dantas - Associação do Culto Afro Itabunense (ACAI)


No Eixo 5: Economia Criativa, Trabalho, Renda e Sustentabilidade, mediadora Lene Bispo, líder do Comitê de Empreendedorismo do Grupo Mulheres do Brasil, e Eixo 6: Direito às Artes e às Linguagens Digitais, mediador  Celso Francisco Gayoso (UFSB).


A diretora de Planejamento e Projetos da FICC e presidente da Conferência de Cultura, Bruna Setenta, disse que nos debates com a sociedade estarão em evidência políticas públicas para a cultura. “Será uma oportunidade para a elaboração de uma política sociocultural que fortaleça a democracia participativa”, disse.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito