i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

itac. mul

itac. mul

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Itabuna- Prefeitura faz vistorias em árvores das vias públicas para garantir a segurança da população

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente (SEAGRIMA), está realizando vistorias na vegetação arbórea das vias públicas do centro e bairros da cidade.  A medida é necessária para garantir a segurança da população e a preservação do meio ambiente, de acordo com o secretário Moacir Smith Lima e atende à determinação do prefeito Augusto Castro (PSD). O trabalho está sendo feito por etapas, a fim de identificar o grau de risco que as árvores e palmeiras oferecem, levando em consideração o tempo e vida útil. Foram identificadas, diversas espécies com risco iminente de queda devido à proliferação de cupins e brocas, o que acarreta estado crítico de conservação. (Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)

 

De acordo com a legislação vigente, antes de qualquer ação de remoção ou poda, em áreas públicas, é obrigatório que a situação seja avaliada e autorizada de acordo com a Legislação Ambiental nº 2.195/2011. A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente é o órgão responsável por coordenar esse processo, assegurando que as ações sejam feitas em conformidade com a lei.



 

“Árvores podem oferecer riscos quando plantadas em locais inadequados, causando danos às calçadas ou interferindo na infraestrutura elétrica”, observa o diretor de Meio Ambiente da SEAGRIMA, Alan Feitosa Alves. Segundo ele, havendo árvores ou palmeiras com danos na base ou estrutura qualquer cidadão afetado deve procurar a Prefeitura, através da Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, para devida  orientação.



 

Um formulário de solicitação será fornecido, permitindo que o requerente indique a localização da árvore problemática e explique os motivos para a poda ou remoção. A equipe técnica de fiscais ambientais realizará uma avaliação que consiste em análise visual de identificação da espécie, problemas - biótico e abiótico - e dos níveis de solo e aéreo.

 

O deferimento desse procedimento autorizará a poda ou supressão que será desenvolvido pela Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo (SIURB), através da Diretoria de Limpeza Pública em áreas públicas. Como parte do compromisso com a sustentabilidade, o diretor de Meio Ambiente enfatizou a importância de compensar a remoção de árvores. “Cada árvore retirada deve ser substituída por uma nova, adequada à arborização urbana”, concluiu Alan Feitosa Alves.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito