i

i

chp

chp

Câm.

Câm.

Itac

Itac

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Aumento de Casos Com Suspeita de Dengue Sobrecarrega o Hospital Manoel Novais

Nos últimos dias, disparou a quantidade de pessoas com suspeita de arboviroses (como dengue, zika, chikungunya) que tem procurado o Hospital Manoel Novaes (HMN), em Itabuna. O aumento de pacientes que recorrem ao atendimento na urgência e emergência tem sobrecarregado os serviços na unidade materno-infantil no município do sul da Bahia. Dados apresentados, nesta quinta-feira (14), pela Coordenação Administrativa do Hospital Manoel Novaes, mostram que o número de atendimento subiu 250%, passando de 50 para uma média de 125 por dia. Por conta disso, os pais que procuram a unidade em busca de atendimento para seus filhos têm esperado um pouco mais na Unidade de Pronto Atendimento, que funciona 24 horas, 

(Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)



com dois pediatras por turno. A triagem e o atendimento, que funcionam por classificação de risco, tornaram-se procedimentos vitais para priorizar os casos mais graves e garantir que todos os pacientes recebam a atenção necessária. Vale destacar que muitas crianças que chegam ao Manoel Novaes deveriam passar por outras unidades no município. Para o HMN, só deveriam ser levados os casos graves.

A diretora técnica do HMN, médica Fabiane Chávez, alerta que é importante a prevenção e controle das arboviroses. Ela ressalta a necessidade de medidas eficazes de combate ao mosquito transmissor das doenças. “São ações que dependem da participação de todos. Da população, que deve cuidar para não ter criadouros do mosquito, e do poder público, com campanhas de orientação e trabalho de campo. Caso contrário, o sistema de saúde não irá suportar por muito tempo”.

Os dados divulgados hoje indicam que entre os dias 1º e 13 foram contabilizados 1.160 atendimentos pediátricos, sendo 113 realizados nesta quarta-feira. “E pela nossa classificação de risco, 85% dos casos que chegam não são casos da média e alta complexidade. Por causa da falta de direcionamento correto, a nossa unidade está sobrecarregada”, reforçou a médica. “As equipes do nosso hospital seguem a trabalhando, incansavelmente, para fornecer cuidados de qualidade a todos os pacientes, finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito