i

i

chp

chp

Ag. Pmi

Ag. Pmi

RC

RC

Jaç.

Jaç.

Chapa

Chapa

PRF

PRF

Adsense




Prefeitura de Itabuna acolhe estudantes afegãs na Rede Municipal de Ensino

 

Recomeço, nova história em outro país bem diferente da origem, mas onde a empatia e o acolhimento estão presentes no dia a dia. Assim tem sido a vida de três estudantes com idade entre 10 e 14 anos, refugiadas da cidade de Kandahar, no Afeganistão. Elas e a família foram acolhidas pela Prefeitura de Itabuna. A Prefeitura tem tratado o assunto de forma oficial por meio do Comitê Intersetorial para Migrantes e/ou Refugiados, que foi instituído pelo prefeito Augusto Castro (PSD), através da Portaria de nº 10.416, de 8 de novembro de 2023.

(Saiba Mais, Click no Ícone Abaixo)




O Comitê conta com representantes das secretarias municipais de Governo, Educação, Saúde, Promoção Social e Combate à Pobreza, Segurança e Ordem Pública, Fazenda e Orçamento, Procuradoria-Geral do Município e de Relações Institucionais e Comunicação.


De acordo com a coordenadora dos Anos Iniciais do Fundamental I e membro suplente do Comitê Intersetorial de Migrantes e Refugiados, professora Lizandra Lima, a Prefeitura de Itabuna foi pioneira ao criar a instituição. “Itabuna tem sido um exemplo para outros municípios ao tratar de forma séria e responsável todas as demandas dessas pessoas que chegam ao município em busca de apoio”, completou.


Na área educacional, o acolhimento dessas crianças e adolescentes ocorre nas escolas municipais Frederico Smith Lima e Maria Creuza Pereira da Silva, no Urbis IV, na zona oeste da cidade. A professora Lizandra contou que o Projeto “1º Chá Literário do Fred”, que incentiva a leitura por meio do PROLERA, gerou resultados positivos em sala de aula.

“Precisávamos inserir no contexto da nossa escola algo que promovesse o pertencimento dessas estudantes a esta nova comunidade. Isso foi possível por meio do livro “A Outra Face”, de Deborah Ellen, que fala da história de um garoto afegão”, explicou a educadora.


“Foi possível valorizar a cultura dessas crianças e ainda levar conhecimento para todos os alunos da escola que passaram a conhecer mais sobre o Afeganistão, país situado na Ásia”, conta a professora de Artes, Aldine Maciel.

0 comentários:

Postar um comentário

Não será publicado comentário ofensivo ou com palavras de baixo calão,nem será aceito qualquer tipo de preconceito